quarta-feira, outubro 28, 2009

Quanto tempo o tempo tem?


Visto.


As praias de Agnés.
Les plages d'Agnés é um documentário autobiográfico de Agnés Varda comemorativo dos seus 80 anos. Tocante e simultaneamente divertido recorre a reconstruções de momentos da sua vida, fotografias e excertos de filmes seus e de Jacques Demy.
De destacar a forma como Agnés enfatiza a ideia de que este documentário é uma perspectiva pessoal sobre a própria vida recorrendo à constante imagem dos espelhos e ao "framing". Uma manta de retalhos de vida, repleto de ternura e de uma ironia nostálgica (que é sempre optimista e não azeda). Recomendo vivamente, vejam.

Visto.


35 Shots de Rum
Não é muito comum ver um filme da realizadora francesa Claire Denis no circuito comercial (se é que se pode chamar comercial à distribuição da Medeia Filmes). Assim sendo, aproveitei para ver o último trabalho dela e, mais uma vez, valeu a pena.
A história do filme desenvolve-se a partir da relação entre Lionel, um maquinista que se debate com a perda precoce da mulher, e a sua filha, que está a tornar-se uma jovem adulta e se debate para encontrar um compromisso entre a dependência do pai, sua única família, e o seu próprio desejo de independência.
Belo e melancólico, transporta-nos para um pequeno épico familiar: 35 Shots de Rum é um filme de poucas palavras, sendo os gestos, os sorrisos e o silêncio o factor principal de comunicação.