sexta-feira, dezembro 19, 2008

ando a ler...

Photobucket
"Quando era uma criança, e pensava como uma criança, e falava como uma criança, Jane Frost apaixonou-se pelo caçador do filme de Charles Laughton.(...)
Naquele entardecer, muito tempo depois,, sentada nos degraus do alpendre, os pés descalços muito frios, os braços enlaçando as pernas, começou a cantar baixinho leaning, leaning, esperando ainda ouvir o seu canto ao longe, porque tinha a certeza de que ele se escondera nos arredores, vigiando a casa, e que voltaria de um momento para o outro, talvez para matá-la, talvez para pegar-lhe ao colo e levá-la para a cama, e fazerem amor, e era isso o que mais desejava, mesmo que dias depois a encontrassem no fundo do rio, com o cabelo ruivo espalhado na água como ervas dos prados."

2 comentários:

Kassette disse...

Por isso é que não me atendes os telefone!

Im.no.lady disse...

ahahahaha.
não... é mesmo porque me ligas sempre quando tou a trabalhar!