quarta-feira, dezembro 31, 2008

Welcome 2009!

terça-feira, dezembro 30, 2008

Back to black: definitivamente prefiro o preto.

Lido e recomendado.



Entre o romance e o policial, Duras explora o paradoxo do valor do discurso: a loucura ou a lucidez, a realidade ou a ilusão.

Post Script - Não sei já vos tinha impingido a Marguerite Duras, mas é uma das minhas autoras mais queridas. Moderato Cantabile, Textos Secretos e Hiroshima, Meu amor são os meus preferidos. Recomendo vivamente.

quarta-feira, dezembro 24, 2008

Se o natal é tão penoso para vocês como para mim....




.... podem sempre animar-se a atirar com o cretino do Pai Natal para bem longe! Enjoy!!

sexta-feira, dezembro 19, 2008

ando a ler...

Photobucket
"Quando era uma criança, e pensava como uma criança, e falava como uma criança, Jane Frost apaixonou-se pelo caçador do filme de Charles Laughton.(...)
Naquele entardecer, muito tempo depois,, sentada nos degraus do alpendre, os pés descalços muito frios, os braços enlaçando as pernas, começou a cantar baixinho leaning, leaning, esperando ainda ouvir o seu canto ao longe, porque tinha a certeza de que ele se escondera nos arredores, vigiando a casa, e que voltaria de um momento para o outro, talvez para matá-la, talvez para pegar-lhe ao colo e levá-la para a cama, e fazerem amor, e era isso o que mais desejava, mesmo que dias depois a encontrassem no fundo do rio, com o cabelo ruivo espalhado na água como ervas dos prados."