sexta-feira, junho 24, 2005

º PAF! º

Hoje quando dei por mim, de repente como que de surpresa, levei um estalo daqueles que vão direitinhos à alma e a deixam dorida. Um estalo daqueles que são dados por uma mão invisível, que vêm não sabemos de onde e nos deixam na mais profunda tristeza.
Apetece-me sair de mim, dói-me o corpo de tanta melancolia.

Sem comentários: